FOTO DE CAPA

Foto de Capa
Barra de Punaú - por Arilza Soares

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

PONTA DO MORCEGO-DELICIOSAMENTE BELA!


                                                   FOTO DE TITO GARCEZ EDITADA
                                                          POR VENTO NORDESTE                                  
                                                                                 


Enquanto falava da Praia dos Artistas  lembrei de um outro lugar de significado afetivo tão importante na minha adolescência quanto a  Praia do Meio foi  na minha infância: A Ponta do Morcego! Comecei a frequentar esse lugar quando fazia o Ginásio, porque Lucia, uma amiga de colégio morava lá. Uma outra colega de colégio,Tamar também morou lá, em um casarão antigo cujo quintal dava para o mar, que eu achava o máximo! Bem que eu queria ter uma casa que tivesse o mar de quintal, pensava! Os meus encontros com essas amigas eram sempre muito agradáveis  o que tornou a Ponta do Morcego um lugar muito especial pra mim.


     


A Ponta do Morcego é um desses lugares onde a natureza parece ter caprichado. É uma ponta, uma extremidade da superfície que se prolonga em direção ao mar. Consta que recebeu esse nome pela abundância de morcegos que havia na região.A praia com pedras enormes,e ondas fortes é impossível o banho de mar. Um paredão foi construído para conter a fúria das águas. Observar o mar na arrebentação batendo nas rochas, é um espetáculo impar! Em noites de lua cheia o cenário é de uma beleza incomparável! 



                                                        






A ocupação da Ponta do Morcego como área residencial, se deu a partir da década de 50. Passaram a residir ali famílias como as de Vicente Romano, Jerônimo Câmara, João Araújo, Oscar José de Araújo, Isaac Pimentel, Cleanto Siqueira e Celso Dutra, entre outros. Posteriormente,o local recebeu um visitante ilustre, o cartunista Henfil, quando esse escolheu Natal para morar uma temporada.
Aos poucos a Ponta do Morcego foi se transformando em área de lazer da cidade, tendo nos anos 70/80 vivido seu período  de glória. Os antigos moradores foram se afastando e hoje, poucos residem por lá, como é o caso de dona Margarida a mais antiga moradora do lugar.


A PONTA DO MORCEGO HOJE


                                                        FOTO DE TITO GARCEZ


                                        FOTO  DE TITO GARCEZ                              
                                                                                    

ALGUNS BARES E RESTAURANTE
 DA PONTA DO MORCEGO


Há tempos fora do circuito turístico da moda, a Ponta do Morcego mantém de pé a tradição de bares e restaurantes na mais bela encosta da praia urbana. 






Um dos restaurantes mais tradicionais da cidade, a Peixada da Comadre resiste ao tempo e abandono da área. São servidos o "peixe à brasileira" e o "peixe frito" acompanhados de "pirão, arroz e caldo de peixe. Esse é um dos meus restaurantes preferidos. Saborear uma "Arabaiana" cozida com aquele pirão...huum! É tudo de bom! Bom para o paladar e para as retinas, porque o ambiente é simples, mas o visual da orla é deslumbrante!






O bar Cais 43 se mantém como um point mais frequentado da área há seis anos. A varanda externa e aberta do local tem uma belíssima vista da praia. Com capacidade para 400 pessoas e espaço temático, tem música ao vivo, rodízio de pizza, chope, iscas de peixe, massas e camarão ao alho e óleo.







O restaurante Los Arroces de Segis é a grande novidade do pedaço.Uma construção rústica, com capacidade para 300 pessoas. A varanda é fechada com vista direta para o mar. O cardápio tem opções de saladas, paelllas, camarões, carnes, além de uma grande variedade de petiscos no melhor estilo espanhol. 







O Complexo  Chaplin existe há mais de 25 anos. Palco de badalados eventos é  um local muito procurado por turistas e jovens da cidade. Ainda esse ano deverá ser inaugurado o "Chaplin Recepções e Eventos" para atender a demanda de festas, eventos e formaturas na cidade. O espaço funcionará com capacidade para 1500 pessoas.




Fontes:

  • Jornal Tribuna do Norte - Natal/RN
  • jornal Diário de Natal - Natal/RN

Fotos:
  • Imagens Google
  • Acervo do Fotógrafo Tito Garcez
  • Edição de fotos: programa Pic-Nic - Yahoo/BR


5 comentários:

  1. DELICIOSOS escritos no VENTO NORDESTE. Que privilégio e riqueza sermos nascidos e criados numa cidade que tem uma Ponta do Morcego colado com uma Praia do Meio. Este último post me levou longe!
    Du Acre via email

    ResponderExcluir
  2. Voltando a ponta do morcego, quantas vezes eu fui, e continuo indo lá, ver na maré alta, a arrebentação, aquela "fuligem" de ar e água salgada molhando a gente, e no meu caso, as lentes do óculos. De lá a gente podia ver o farol de Mãe Luiza, visão hoje "assassinada" por espigões do "pogresso", que tapam a vista de quem olha daquele ângulo, o farol. Um pouquinho mais a frente, em Areia Preta, quando tem ressaca, a arrebentação na praça da jangada, ou até mesmo no paredão ao longo da praia de Areia Preta.
    Du Acre-via email

    ResponderExcluir
  3. "Cais 43", lugarzinho legal, chopp esperto e drinks não alcóolicos quando a gente tá dirigindo, e bons petiscos, sem falar na visão espetacular da nossa praia "particular"
    Du Acre via e-mail

    ResponderExcluir
  4. Ponta do Morcego , Natal/Brasil. Na maré cheia tinha uns colegas que pulavam de cima das pedras quando vinha uma onda alta. Eram como verdadeiros heróis. Eu me lembro de um: Bitonho

    Ailson Rosa e Silva - Natal/RN

    ResponderExcluir
  5. Olá, boa noite!

    Gostaria de pedir que as duas fotos que estão após o título "A PONTA DO MORCEGO HOJE", recebam legendas com meu nome, pois são de minha autoria.

    Desde já, agradeço a atenção!

    Abraços,
    Tito

    ResponderExcluir