FOTO DE CAPA

Foto de Capa
Barra de Punaú - por Arilza Soares

quinta-feira, 21 de julho de 2011

SABOR SAUDADE: PITOMBA



Nenhuma fruta tem pra mim mais sabor de infância! Verdes ou maduras, doces ou azedas, seu consumo entre a meninada da minha geração era muito grande.Vendedores ambulantes se espalhavam pelas esquinas da cidade com balaios cheios delas.Lembro de uma Pitombeira secular que tinha no quintal da casa de uma amiga, uma árvore enorme,linda! Quando frutificava era uma aventura para colher os frutos e uma festa para todos nós.
Na minha família o consumo da pitomba era liberado e, na maioria das vezes, para substituir  confeitos ( como eram chamadas as balas) e  chicletes.




Hoje vejo com tristeza o pouco consumo dessa fruta na cidade.Os vendedores tornaram-se escassos,como escassas são as pitombeiras em Natal.Ainda encontramos algumas árvores no caminho para as praias do Litoral Norte, mas são poucas,A impressão que me dá é que a pitombeira é uma árvore em extinção-pelo menos em Natal!

   A PITOMBEIRA
                             




A pitombeira pertence a família das Sapindáceas. Árvore bonita,de copa robusta e arredondada e tronco bastante ramificado, podendo atingir até 15 metros de altura.Floresce de agosto a outubro e os frutos amadurecem de janeiro a março.A frutificação ocorre a partir de 5 a 10 anos de idade. Uma planta adulta pode produzir em condições favoráveis cerca de 100 cachos com 10 a 25 unidades cada.. A árvore pode ser usada na arborização de parques, na recomposição de matas de preservação permanente e na alimentação de muitas espécies de pássaros.
   
                                            A  PITOMBA
                                                                              
                                                                             


De nome científico " Talisia esculenta"  a pitomba é um fruto pequeno e leve, de formato arredondado,de casca dura e quebradiça e coloração marrom clara.O interior do fruto contém uma ou duas sementes envoltas por uma polpa esbranquiçada ( arilo ) suculenta, doce, levemente ácida e de sabor agradável quando o fruto está maduro e mais azeda quando o fruto é verde.
Muito rica em vitamina C, a pitomba só se presta ao consumo ao natural.Raramente é usada no preparo de licor ou sorvete. 

                                                                                                                      
                                   A FESTA DA PITOMBA

O estado de Pernambuco é um grande consumidor de Pitombas, e onde a fruta goza de um certo prestígio popular. Tem até festa formalizada: A tradicional festa de Nossa Senhora dos Prazeres, uma das mais antigas manifestações religiosas do Brasil, realizada anualmente nos primeiros dez dias após a Semana Santa, no Parque do Centro Histórico Nacional dos Guararapes, localizada no município de Jaboatão dos guararapes-PE, é conhecida nacionalmente como Festa da Pitomba.Esse evento histórico e religioso coincide com a safra da pitomba em abril, o que tornou a fruta presença obrigatória nas comemorações.


                                   Vendedor de pitombas em Recife
                                 

                            
SOBRE PITOMBA


                              
Palavra de origem tupi que quer dizer bofetada, sopapo ou chute forte. 
No vocabulário popular a expressão "ele não vale nem uma pitomba" é uma alusão ao tamanho da fruta, o que significa dizer que a pessoa é pequena,insignificante.        
A expressão "ora pitombas!" é usada com o mesmo sentido de "ora essa!"
Há também a expressão “olho de pitomba” para se referir a alguém com globo ocular saliente, e “olho de pitomba lambida”, para aquele que não tem pestana.
A pitomba é também conhecida como “chiclete de pobre”, segundo o folclorista Mário Souto Maior, por poder permanecer longo tempo girando pelo céu da boca. A esse respeito, no entanto, talvez o ditado que mais inspire a diversão do povo nordestino seja aquele que se refere a alguém que “sofre mais do que pitomba em boca de velho banguela”. 



                                                                                                   

20 comentários:

  1. Jane Steinberger- me deu saudade de pitomba !!!
    comentário via facebook
    15 de julho de 2011 08:54

    ResponderExcluir
  2. Laysa disse...
    Aih! que vontade de comer pitomba!pena que tenho que esperar a safra!! Lembro-me de quando estudava na ED e HC, tinha várias pitombeiras e quando dava fruto era menino demais trepados nas árvores! Pitomba tb foi uma das frutas da minha infância (junto com siguela)! Lembro-me de comê-las até mesmo verde, na verdade até preferia! rsrsrs
    15 de julho de 2011 10:57

    ResponderExcluir
  3. Que saudades de Pitomba, o bom é que minhas filhas embora não tenham nascido em Natal, adoram pitomba, a Danielle a mais velha diz que á fruta nordestina que ela mais gosta rsrsrs.
    Arilza vc tem razão em falar que a Pitombeira está escassa em Natal, qdo vou lá é dificil achar como antes. Tem um comentário, que não posso deixar de falar,qdo eu era menina de uns 6 a 7 anos naturalmente engolia o caroço da pitomba e minha avó dizia que ia nascer um pé de pitomba na minha barriga kkkk e o medo que eu tinha ? kkkkk

    ResponderExcluir
  4. Pitomba, que frutinha gostosa de mascar, menino de Natal, dos nossos tempos que não chupou Pitomba, não sabe o que perdeu.
    Comentário de Eduardo Souza Rio Branco- Acre

    ResponderExcluir
  5. Nossa que saudade dessa fruta tão gostosa,que fez parte da minha infância deveria ter aqui em São Paulo pra vender Pitomba e Cajarana,que delicia!!

    ResponderExcluir
  6. Nem fale Arilza, pitombas prá nós naquela época , é como se fosse aqueles saquinhos da Elma Chips de hoje kkkkkk com um cacho na mão eu não queria saber de mais nada , tinha uma Pitombeira(Pé de pitomba)kkk na casa de uma prima , qdo eu ia lá saia de barriga cheia inclusive dos caroços kkkk pois qdo muito madura é fácil de descer goela abaixo kkkkkkk

    Marilda Nascimento-São Bernardo do Campo / SP

    ResponderExcluir
  7. Essa ai quando tem lá na escola o povo até escala as arvores pra pegar!
    Luis Gustavo - Natal/RN

    ResponderExcluir
  8. pitomba? nossa acho que nao conheço essa fruta

    ResponderExcluir
  9. SOU DE SÃO PAULO GOSTARIA DE SABER COMO FAÇO PRA CONSEGUIR UMA MUDA DESTA ÁRVORE FRUTIFERA A "PITOMBA" ?
    REGINA CARDOSO - MOGI DAS CRUZES - SP

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Regina, sinceramente não faço ideia de onde encontrar mudas de pitomba aqui no Sudeste. Uma solução seria vc ver quem poderia te mandar umas pitombas. Assim vc teria as duas coisas: a fruta para saborear as sementes vc plantaria. Bjos

      Excluir
  10. ESSA FRUTA MARAVILHOZA ME LEMBRA MUITO A MINHA TERRA-NATAL, JOÃO PESSOA ONDE O SOL NASCE PRIMEIRO. ESSE BLOG TÁ ÓTIMO, PARABÉNS.

    ResponderExcluir
  11. Arilza, acredito que uma das causas de nós temos poucas pitombeiras e outras frutas nativas também, se deve ao pouco interesse dos administradores publicos, dos ambientalistas, do povo em geral em plantar arvores frutiferas em reservas parques e outros locais, os viveiros dos orgãos ambientais dos Estados e Municípios também deveria fazer mudas frutiferas e doar ou vender a preços subsidiado aos pequenos produtores de todo o Brasil, ao inves de plantar só arvores nativas que não produzem frutos, algumas nem madeiras, deveriamos plantar frutiferas e outras arvores que produzissem algo de importante para as crianças e o povo se alimentar com frutas saudaveis também, não só pensar no bem estar dos bichos como querem fazer a cultura ambiental de hoje em dia, quem sabe até fazer uma lei liberamdo as áreas de reservas particulares para os (as) catadeiras e extrativistas, assim teremos frutas nativas para comprar nas cidades e todos nós ganhamos com o nosso meio ambiente preservado e repleto de frutiferas.

    ResponderExcluir
  12. Eu gostaria muito de receber sementes ou mudas dessa fruta. Adoro plantar tudo qto é fruta. Por favor, podem me dizer onde econtraria. Deixo meu email para contato dcarvalho10@uol.com.br

    ResponderExcluir
  13. Meu caro visitante do Vento Nordeste

    Infelizmente não posso te ajudar nesse primeiro momento.Pitomba é muito fácil de encontrar no Nordeste. Mas moro no Rio e só eventualmente vou a Natal. Mas, se vc não tiver pressa, na minha próxima viagem pra lá me comprometo a te mandar sementes pelo correio. Sementes de pitomba germinam com facilidade, mas não entendo muito do seu cultivo. Aproveito o momento para lhe agradecer sua visita ao meu blog. Um grande abraço. Arilza Soares/Vento Nordeste

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. ok, assim que vc conseguir as frutas ou sementes, me avise por aqui e entao te passo o endereço postal. Pode deixar qessas despesas ficam a meu encargo. obrigada / Antonio

      Excluir
    2. Envia para mim tambèm Arilza Soares, quero muito,muito, pelos uns 10 a 20 pès!!!

      Excluir
  14. Relembro com saudades de minha infancia essa fruta conhecida pelos sertanejos.Até nos dias de hoje me aperta o coraçao saber que nao tenho aceso em Sao Paulo,onde resido atualmente.Agradeço pela materia feita sobre a pitomba.

    ResponderExcluir
  15. Eu amo pitomba é a melhor parte da minha infância.

    ResponderExcluir
  16. Eu amo pitomba é a melhor parte da minha infância.

    ResponderExcluir