FOTO DE CAPA

Foto de Capa
Barra de Punaú - por Arilza Soares

quinta-feira, 21 de julho de 2011

BAIRRO DE AREIA PRETA- MUDANÇA DE VENTO




                                                               

Nasci e me criei no bairro de Petrópolis, e até hoje, a minha  mãe continua no mesmo local: na mesma casa, na mesma rua, no mesmo bairro - pelo menos era assim que eu pensava  até chegar em Natal e descobrir, um tanto perplexa, que o meu endereço de nascimento já não existia mais. Que  sensação estranha senti! Parecia que eu tinha perdido  minha identidade, a minha cidadania! O que foi referência pra mim, durante tanto tempo, tinha mudado. A Prefeitura fez um novo mapeamento da cidade e o meu antigo endereço passou a fazer parte do Bairro de Areia Preta. O nome da rua já havia mudado anteriormente, e assim sendo, eu tinha que me acostumar com o novo endereço, sem que se tivesse feito alguma mudança! 
Petrópolis ou Areia Preta? Não importa. O importante é ter nascido em Natal!  E foi pensando assim que, com o novo mapa da cidade na mão, sai para reconhecer o meu mais novo Bairro!
                                           

                    HISTÓRIA DO BAIRRO






A Praia de Areia Preta, foi a primeira praia oficializada como balneário público natalense, em janeiro de 1908. Seu nome é uma referência as falésias ali encontradas. Segundo Câmara Cascudo, era um recanto de pescadores até 1920. Com o tempo, os pescadores foram vendendo suas casas e novas construções apareceram. Era a mais distante das terras à leste da cidade, e por isso local de festas, serenatas, banhos de mar à fantasia e piqueniques.           






                                                                                    

Na década de 30, Areia Preta já era uma Praia de veraneio, procurada pelos natalenses mais abastados.
O médico Jahyr Navarro, antigo veranista da praia, a primeira a abrigar esse tipo de casas - acompanhou o desenrolar de três décadas naquelas areias. Ele recorda que quando menino seu passatempo favorito era escorregar nas dunas sentado numa prancha de madeira, lubrificada com um pouco de cera de vela. Isso, em 1935, muito antes de alguém associar essa prática ao esporte de neve e apelidá-la de "skibunda". (Texto Extraido do Blog Natal de Ontem)





Entre as décadas de 60 e 70  foi se modernizando e já era  frequentada por grande parte dos moradores da cidade. Ganhou uma praça com jangada, um trampolim  e um muro de contorno na sua orla. 
Bares surgiam principalmente para agitar a vida noturna: "O caranguejo é nosso" o "bar do Caindão" o "Iara bar" são alguns nomes, que marcaram época lembrados pela população. "O Círculo Militar" também marcou presença em Areia Preta.








                                                                            
                                                  

O período que se segue, é um período de declínio e decadência da praia de Areia Preta. Os bares, na sua maioria, fecharam. As grandes ressacas, derrubaram parte da mureta que margeava a praia. Os antigos veranistas passaram a procurar outras praias. Essa passou a ser frequentada pelos moradores do bairro de Mãe Luíza, que fica bem próximo às suas águas.
A partir de 1980, com o surgimento da via costeira tem se notado uma super valorização do local com a construção descontrolada de prédios e residências de luxo, na sua orla. A beleza exuberante do oceano e das  baías que formam a praia Areia Preta, certamente muito contribuem para esse crescimento.
Um dos prédios construídos praticamente em cima da duna, tirou a visão do belo "Farol de Mãe Luiza, que hoje se espreme entre as dunas e as construções em volta, não só as  da orla, mas do próprio bairro onde está situado.
                                        

      



                                         


Nos últimos anos a Prefeitura fez melhorias significativas  em Areia Preta. A construção de arrecifes artificiais e aterros na praia, com a finalidade de evitar o avanço das águas, não só deu nova vida ao local como devolveu a praia aos moradores que contam agora com vários trechos para banho de mar.
                                                                         


                                                                            






           ATRATIVOS DE AREIA PRETA
                     
                          SURF NA PRAIA DE MIAMI







Situada já no final do bairro de Areia Preta, a praia de Miami é hoje um reduto de surfistas. Com mar agitado de ondas que atingem 1.5m de altura é local indicado para essa prática de esporte, uma vez que, as demais praias da cidade não oferece condições para isso.






A praia tem ao fundo o belíssimo cenário do Morro do Pinto O nome Miami data do período da Segunda Guerra Mundial. Segundo informações de antigos moradores, era a local preferido dos americanos que se estabeleceram em Natal nesse período da nossa história.







                                                                                                                                                                                                               
                                      VOO DE PARAPENTE






Outro grande atrativo da praia de Areia Preta, segundo depoimento do meu sobrinho Narciso, adepto do esporte, é o Voo de Parapente, sobre as dunas e prédios da orla. De dezembro a janeiro, quando sopra o vento nordeste, as condições ficam perfeitas para voar por horas curtindo o visual de todo bairro, das demais praias urbanas, ladeira do sol entre outros.

                                             
                      CONHECENDO MELHOR O BAIRRO


PEDRAS ENCONTRADAS NO MAR, NA PRAIA E NAS FALÉSIAS

ANCORADOURO DAS JANGADAS

RELÓGIO DE SOL NA PRAIA DE MIAMI


 RESTAURANTE  TÁBUA DE CARNE

RESTAURANTE MOQUECA CAPIXABA

RESTAURANTE FAROL BAR

PIZZARIA MAMMA ITÁLIA

FACHADA DA IGREJINHA DE SÃO FRANCISCO NA PRAIA

IGREJA NOSSA SENHORA DE LOURDES
                                                            
     

Fontes: 

  • Prefeitura  Municipal de Natal - Site:Conheça o seu bairro Areia Preta
  • Pesquisas  Web - Site: Natal de Ontem
  • Pesquisas  Google: Site Wikipédia
  • Luiz da Câmara Cascudo - Histórias da Cidade de Natal

                               
Fotos:  Imagens Google
                       Acervo Pessoal
                       Acervo do Fotógrafo Canindé Soares

Vídeos: Postados no You Tube 

  1. Vidasurf - Point de Miami - Natal - RN.

  2. Voando em Mãe Luiza Temporada 2010 / 2011

              
                                                                               

3 comentários:

  1. Anônimo disse...
    Tia, Parabéns pelo relato fantástico desse belo recanto da cidade do sol! Case queira rechear ainda mais a matéria, outro atrativo da praia de areia preta é o Voo de Parapente sobre as dunas e prédios da orla. De dezembro a janeiro, quando os ventos vem da direção nordeste (nome do Blog) a condição fica perfeita para voar por horas, curtindo o visual das praias urbanas, ladeira do sol entre outros. Veja o vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=H7z7UpknMtw
    é mais um atrativo de areia preta e Natal. Ahhhh, parabéns pelo Blog, está muito bem escrito e bonito, você é boa nisso! Narciso
    19 de julho de 2011 19:40

    ResponderExcluir
  2. Nelson Marques Ótima matéria sobre o bairro

    ResponderExcluir
  3. Lembra do trampolim de Areia Preta?.. eu tinha pavor daquilo, nunca fui lá, mas quando era menino eu gostava de ver a rapaziada pulando de lá, principalmente na maré alta. A maresia derrubou aquele trampolim e depois nunca mais foi erguido, ficou a lembrança de bons tempos, saltos espetaculares para minha visão de moleque.

    Du Acre-via e-mail

    ResponderExcluir