FOTO DE CAPA

Foto de Capa
Barra de Punaú - por Arilza Soares

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

ATHENEU NORTE-RIOGRANDENSE - O PRIMEIRO COLÉGIO PÚBLICO BRASILEIRO




Pioneiro na educação do país, já que foi a primeira instituição pública de ensino no Brasil, fundado antes mesmo do colégio Pedro II, no Rio de Janeiro, o mais importante Colégio Público  da História do Rio Grande do Norte completou esse ano 178 anos de história. Ao longo desse tempo,  não só formou gerações, como foi fator determinante na construção de hábitos e costumes da nossa sociedade. Pelo Atheneu passaram importantes personagens da nossa história política e uma infinidade de outros profissionais competentes do nosso estado, entre eles, um Presidente da República, Ministros de Estado, Governadores, Prefeitos,  Deputados, Reitores da UFRN, Escritores, Médicos, Artistas Plásticos ...                             


               SOBRE A FUNDAÇÃO DO ATHENEU





O Colégio Estadual do Atheneu Norte-Riograndense foi fundado em 3 de fevereiro de 1834, época em que o Brasil ainda era uma monarquia. Quando o seu idealizador, o então presidente da província, Basílio Quaresma Torreão, pensou em criar o  Atheneu, o Brasil sonhava com a Europa e tentava imitar seus modismos, como o interesse acentuado dos poetas parnasianos pela cultura grega. Daí a ideia de se pegar o nome Athenaion, do templo da deusa grega da sabedoria, Atena, e trazer para o português, transformando-o em Atheneu.
Basílio Quaresma foi também o  primeiro diretor-geral,  dessa instituição de ensino que se tornou a mais antiga do Brasil, fundado antes mesmo do Colégio Pedro II no Rio de Janeiro.







O objetivo de Basílio Quaresma era reunir em um único prédio,  as cadeiras de humanidades, as chamadas cinco aulas maiores que fundamentavam o pensamento contemporâneo: Filosofia, Retórica, Geometria, Francês e Latim, que eram dadas em locais distintos e de forma  autônomos. Essas disciplinas as primeiras a serem lecionadas no Atheneu,por professores iriam formar uma geração de homens que marcaram a história do Rio Grande do Norte com sua cultura humanística e capacidade intelectual. São eles:
  • Padre Antônio Xavier Garcia de Almeida, dava aulas de Filosofia
  • Joaquim José de Souza Serrano, aulas de Retórica
  • Urbano Egide da Silva Costa, aulas de Geometria
  • Elias Antônio c. de Albuquerque. aulas de Francês
  • Francisco Felipe da Fonseca Pinto, aulas de Latim.


O BUSTO NA ENTRADA DO ATHENEU





O busto de bronze que se encontra na entrada da sede do Atheneu, é uma homenagem ao Professor João Tibúrcio, que entre outras atividades que exerceu, dirigiu  interinamente o Atheneu  em 1892 e 1893. Foi também professor de  Latim, Francês e Português nessa instituição de ensino. Devido a sua compostura, assiduidade e competência, foi tido como professor modelo, e cono tal, teve seu busto em bronze inaugurado na pracinha vizinha ao antigo prédio do Atheneu, na avenida Junqueira Ayres, seu local de trabalho por onze anos. A homenagem se deu no dia do professor em 1928.


SOBRE AS SEDES DO ATHENEU


Ao longo da sua história o Atheneu funcionou em quatro sedes, incluindo aqui, a sede destinada ao Atheneu feminino. Inicialmente o colégio funcionou na Avenida Rio Branco, depois na Junqueira Aires,  ambos na Cidade Alta. Posteriormente, uma secção exclusivamente feminina, foi criada, na rua Jundiaí, em Tirol (os homens permaneciam na sede da Junqueira Aires) e assim funcionou  até a construção da sede atual, da rua Campos Sales em Petrópolis.






O Atheneu possuiu quatro sedes, incluindo aqui a sede destinada ao Atheneu feminino. Inicialmente o colégio funcionou na Avenida Rio Branco, depois na Junqueira Aires,  ambos na Cidade Alta. Posteriormente, uma secção exclusivamente feminina, foi criada, na rua Jundiaí, em Tirol (os homens permaneciam na sede da Junqueira Aires) e assim funcionou  até a construção da sede atual, da rua Campos Sales em Petrópolis


                             1. De 1834 a 1858.



 SEDE NO QUARTEL DA TROPA DE LINHA DO EXÉRCITO
HOJE COLÉGIO ESTADUAL WINSTON CHURCHILL 



A primeira sede do  Atheneu foi numa dependência do Quartel da Tropa de Linha do Exército, na época desocupado,  localizado na Avenida Rio Branco, onde hoje funciona o Colégio Estadual Winston Churchill. Com a chegada do batalhão de tropas, os alunos foram desalojados e as aulas passaram a ser dadas nas casas dos professores. O Presidente da Província,Antônio Bernardo de Passos, fez a escola voltar a funcionar em 1856, mas só  se considerou  a partir de a partir de 1º de março de de 1859, quando o presidente Nunes Gonçalves instalou-a num  edifício novo". 


2.  De 1859 a 1953 



                                                  SEDE DA RUA JUNQUEIRA AYRES
                                 HOJE SECRETARIA DE FINANÇAS DO MUNICÍPIO
  



Em 1848, Frederico Augusto Pamplona iniciou a construção da sede para o Atheneu, que levou 11 anos para ser concluída. No  ano de 1859 o Atheneu foi transferido para o prédio onde hoje funciona a Secretaria de Finanças do Município, próximo a Prefeitura Municipal, na rua Câmara Cascudo, antiga Junqueira Ayres, e lá permaneceu até a inauguração  da sede no bairro de Petrópolis.



A SEDE DO ATHENEU FEMININO


 GRUPO ESCOLAR  ANTÔNIO DE SOUZA
HOJE FUNDAÇÃO JOSÉ AUGUSTO N A RUA JUNDIAÍ


Até 1902, o Atheneu foi uma instituição voltada para a formação dos rapazes da sociedade potiguar, um espaço exclusivamente masculino, repetindo um modelo da sociedade em que a mulher era relegada sempre ao segundo plano, apenas dedicada ao serviço doméstico. partir de 1903, porém, refletindo os anseios de modernidade de uma parcela significativa de mulheres, o Atheneu abriu suas portas para elas e, em janeiro de 1903, ocorreram as primeiras matrículas  de mulheres na instituição.Entre as pioneiras aprovadas nos exames de humanidades estão: Sidrônia de Carvalho, Maria Arminda Caldas, Edilbertina Figueira e Albertina Avelino.






É interessante observar que Inicialmente as mulheres dividiram o mesmo espaço educativo com os homens. Posteriormente foi aberta uma secção exclusivamente feminina - o  Atheneu Feminino, que teve como sede  o antigo prédio do Grupo Escolar Antonio Souza, na rua Jundiaí, onde hoje funciona a Fundação José Augusto, enquanto que o Atheneu masculino continuava na rua Junqueira Ayres.


ALUNAS DO  ATHENEU AO LADO DO DIRETOR 
 MONSENHOR JOÃO DA MATA E DO VICE PROTÁSIO DE MELO 



O Atheneu feminino teve como diretores: o  professor Edgar Barbosa, seu substituto o Monsenhor João da Mata Paiva e o Professor Protásio de Melo. A primeira mulher a administrar o Atheneu foi a professora Olindina Lima Gomes da Costa, de 1955 a 1961, no governo Dinarte Mariz.






3. De  1954 aos dias atuais


Foto de 1954. No alto o discurso do governador
 Sílvio Pedrosa na inauguração da nova sede.



Em 11 de março de 1954, o Atheneu foi reinstalado em um prédio moderno, em forma de X, com um ginásio coberto para a prática de esportes e de educação física, graças aos esforços do professor Severino Bezerra de Melo, diretor do Departamento de Educação, e do interesse do governador Sílvio Pedrosa, em cujo governo a obra foi concluída.
O nome foi modificado para  Instituto de Educação porque se pretendia de fato, fazer funcionar um Instituto de Educação, inclusive com um Grupo Escolar Modelo. Essa proposta não foi concretizada e o Atheneu ocupou todo espaço. O governo construiu outro prédio destinado à Escola Normal, Escola de Aplicação e Jardim Modelo.




Infelizmente nos dias atuais esse belo prédio que já foi símbolo da Educação no Rio Grande do Norte está com sua estrutura bastante deteriorado bastante e entregue ao descaso pede socorro. Um movimento de ex-alunos e professores tentam chamar a atenção da sociedade para o problema do colégio e exigir dos políticos responsáveis uma solução urgente. Que se consiga realmente "salvar o Atheneu"!


ATHENEU - CELEIRO DE INTELECTUAIS E PERSONAGENS ILUSTRES

Para muitos, o Atheneu foi durante muito tempo a grande Universidade do Rio Grande do Norte.  Era no Atheneu que se formava a elite intelectual do estado. Ingressar no Atheneu não era tarefa fácil, os exames de "Humanidades" no início e, posteriormente, o exame de "Admissão" requeriam preparo dos candidatos. No corpo docente figurava nomes que eram referências intelectuais do estado. E muitos dos alunos ilustres se tornaram professores da instituição.
A relação dos personagens que passaram pelo Atheneu, seja como diretores, professores ou alunos é muito grande, não caberia numa simples postagem. Os nomes que aqui constam, foram selecionados aleatoriamente.

Eis alguns dos nomes que fizeram do Atheneu Norte-Riograndense:


2. CORPO DOCENTE



1. Augusto Severo Neto (Professor/Deputado/Aeronauta)  2. Pedro Velho D'Albuquerque Maranhão (Professor/Governador) 3 - Luís da Câmara Cascudo ( Professor/Historiador/Folclorista) - 4. José Augusto (Professor/Governador) - 5. Monsenhor José da Mata ( Diretor )5. Protásio de Melo ( Professor/Diretor ) - 6. Djalma Maranhão ( Prefeito/Professor) - 7. Olindina Lima Gomes da Costa (Diretora) - 9. Crisan Siminéia (Diretora) - 10. Angélica Moura (Diretora) - 12. Marcondes (Diretor) Diógenes de Cunha Lima (Professor/Poeta/Escritor).


2. CORPO DISCENTE




1. Augusto Tavares se Lira ( Presidente do RN/Ministro) - 2. Juvenal Lamartine de Faria( Governador) 3.  Joaquim Ferreira Chaves Filho (1º Governador eleito) - 4. João Café Filho (Presidente de República - 5. Aluísio Alves (Governador) - 6. Deífilo Gurgel (Escritor/folclorista) - 7. Garibaldi Alves (Governador/Ministro) - 8. Wilma Maia (Governadora) Geraldo Melo (Governador) - 9. Dorian Gray ( Artista Plástico) - 10. Henrique Eduardo Alves (Deputado) - 12. José Seabra ( Fotógrafo) - 13. Ferdinando Teixeira (Técnico de Futebol) - 14. Juarez Chagas (Escritor) - Naldemir Saraiva ( Bibliotecária/  Idealizadora e Fundadora do Memorial do Atheneu) Esdras Rebouças Nobre (fotógrafo).



VÍDEO DOCUMENTÁRIO SOBRE O ATHENEU 




Esse Documentário apresentado na Assembléia Legislativa - 2012 retrata a história do Atheneu Norte-Riograndense o Colégio mais antigo do país.Vale a pena ver!



FONTES:

  • Diário Oficial do Estado do Rio Grande do Norte - Nós, do  RN... Suplemento do Jornal "A República República Editorial"Ano II - Nº 18 - Maio de 2006
  • Fátima Gomes - Pedagoga - "Tradição e Renovação" - Publicado em Notícias Educacionais - 31/05/2007 - Natal/RN
  • http://tribunadonorte.com.br/especiais/historiarn/historiarn_paginterna.php?id=150196
  • http://noticiaseducacionais.blogspot.com.br/2007_05_01_archive.html
  • Tribuna do Norte - A História do Rio Grande do Norte - Fascículo 14- Educação e Cultura
  • Nalldemir Saraiva - Responsável pelo Memorial do Atheneu Norte-Riograndense/Presidente da Associação de Ex-alunos
  • Escritor/Professor - Vice-Presidente  da Associação de Ex-alunos http://juarez-chagas.blogspot.com.br


FOTOS:


  • Acervo do Fotógrafo Esdras Rebouças Nobre
  • Imagens Google
  • Edição de fotos: 1. Site Pic Monkey - 2. Site Scrapee.Net

VÍDEO:
  • Documentário sobre o Atheneu - Publicado no You Tube por Pedro Jesus em 27/10/2012


13 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. PARABÉNS Arilza!!!

      Sua postagem sobre nosso Templo do Saber, o Glorioso ATHENEU, foi importantíssima para honra e história de todos e todas quantos e quantas passaram por seus bancos escolares e, acima de tudo para preservar a memória do mesmo para as novas gerações.
      orgulho-me de ter sido aluno do nosso incomparável Colégio Estadual do Atheneu Norteriograndense, tendo tido nele minha formação Ginasial e Científica, completa! Tendo sido Atleta do mesmo e defendido suas bandeiras e competições e, gratificantemente, ter sido também Professor de Biologia e Anatomia do mesmo, nos anos 80.
      Sabemos que muitos trabalhos virão qdo nosso Glorioso Atheneu completará 180 anos. Meu livro também será um deles, pois já está praticamente concluído através de incansável trabalho que já dura 04 anos! O Atheneu merece muito mais do que isso, portanto, vamos todos preservar sua memória! Abraços.

      Excluir
  2. A Associacao dos Ex alunos do Atheneu, voltou com forca total! Nosso presidente e vice sao: Naldemir Saraiva e Juarez Chagas.
    Natal, Nov. 2012

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro Juarez, ter vc comentando uma postagem do Vento Nordeste, me deixa muito envaidecida. Muito obrigada! Mas quero aproveitar para agradecer também a sua enorme contribuição. Sem os seus textos que encontrei na internet essas postagens não teriam acontecido.Estou esperando com muita ansiedade o lançamento do seu livro sobre o Atheneu. Tenho o anterior o IBEU que é maravilhoso.
      Me orgulho demais de ter estudado no Atheneu e se estivesse moeando en Natal estaria com vcs nessa luta. Mas mesmo com as limitações que a distancia determina vcs podem contar comigo, para divulgar tudo que estiver ao meu alcance. Um grande abraço.

      Excluir
  3. Que bom Esdras, temos à frente da associação duas pessoas competentes e apaixonadas pelo Atheneu. Se estivesse morando em Natal com certeza estaria presente com vcs nessa luta. Mas "omissão" não faz parte do meu vocabulário de vida, mesmo com as limitações que a distancia determina vcs podem contar comigo, para divulgar tudo que estiver ao meu alcance. Um grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Arilza ! mais uma vez, parabéns pelo blog. Na próxima semana estarei indo fotografar as dependências do Atheneu para acompanhar a reforma que creio, já está com 60% concluídas. Mandarei as imagens para que vc possa publicar e com certeza algumas pessoas que não residem em Natal irão acompanhar por aqui. Grande abraço.

      Excluir
  4. Arilza, realmente vc faz uma falta enorme nessa comissão que se empenha tanto para o bem do nosso querido Atheneu, com essas sua postagens no Blog Vento Nordeste, vc diz tudo e muito mais. A distancia difulta a presença física , mas a net facilita sua grandiosa contribuição, eu como vc tenho orgulho de ser ex aluna, casada tb com ex aluno e ex professor do meu querido e amado Atheneu, parabéns prá você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Marilda. Aprendi muito com minha militância nos movimentos estudantis do Atheneu, e até hoje "omissão" não faz parte do meu vocabulário. Queria muito fazer parte dessa dessa comissão de ex-aluno, mas a gente faz o que pode. bjos

      Excluir


  5. Hebel Costa Tenho orgulho de ter estudado no Colégio Estadual do Atheneu Norte-riograndense

    ResponderExcluir
  6. Olá, boa tarde! Parabenizo pelo excelente resgate dessa linda história. Gostaria de saber onde posso encontrar informações acerca da construção do ginásio (sei que o teto, à época, era moderníssimo). Sou doutorando em Arquitetura e Urbanismo e, por exemplo, saber se um prático/desenhista chamado Arialdo Pinho trabalhou em algum momento na edificação... Um abraço!

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Olá! eu queria informar que sou aluno do 3º ano do Atheneu e que depois de dois anos de reforma (demorou até demais) ela está nova e climatizada. Seria uma boa atualizar esse post :)

    ResponderExcluir