FOTO DE CAPA

Foto de Capa
Barra de Punaú - por Arilza Soares

domingo, 8 de maio de 2011

MANGUZÁ OU MUNGUZÁ? - DOCE OU SALGADO?

                               
                                       

                    "TEM CÔCO... TÁ QUENTE" ! " TEM CÔCO .. TÁ QUENTE" 


"Tem côco... tá quente" gritava o vendedor! E a meninada da rua respondia " O gato mijou aí dentro!" O vendedor ficava enfurecido mas seguia com seu galão nas costas vendendo um munguzá ou manguzá como chamamos em Natal, delicioso e quentinho. Nem minha mãe com todas as suas prendas culinárias fazia igual! Com o tempo todos os vendedores ambulantes dessas delícias foram sumindo das ruas e desaparecendo do dia a dia da mesa potiguar. Hoje, em Natal,manguzá é um prato raro, encontrado apenas em restaurantes de comidas típicas, ou nos eventos juninos. 


                                         Vendedor de mumguzá em Alagoas




Iguaria preparada basicamente com milho, leite de vaca e leite de coco, podendo ser doce ou salgado, dependendo do paladar. Sempre conheci em Natal a versão salgada, mas em outras cidades do interior do RN é consumido doce.
De origem africana e a palavara Munguzá é uma variedede de Mucunza ou Mu'Kunza -milho cozido. No Nordeste recebe várias denominações: "Manguzá" "Munguzá" "Mungunzá" e até Chá de Burro"No Sudestre é conhecido como "Canjiquinha".




O milho usado para fazer o munguzá tambem varia de região para região.En Natal costama-se usar o milho amarelo,em outros lugares o milho branco.   

Munguzá da Neide ( Natal-RN)


Ingredientes 




250gr de milho amarelo para canjica 
1 litro de leite fresco
1 copo de leite de coco
1/2 caixinha de creme de leite
     
Modo de fazer 

Deixe o milho de molho de um dia para o outro. Escorra, lave e coloque para cozinhar com a água e o sal, até ficar macio. Adicione o leite fresco e continue cozinhando até ficar cremoso.Coloque então o leite de coco e cozinhe mais um pouco em fogo baixo.Desligue  deixe esfriar um pouco e acrescente o creme de leite.



Manguzá Doce


Essa mesma receita pode ser usada para fazer o manguzá doce. Basta substituir o creme de leite por uma lata de leite condensado, colocar canela em pau e cravo se gostar. Sirva quente ou gelado,como preferir.






FONTES:
              
            Luiz da Câmara Cascudo
                 História da Alimentação no Brasil.
                 Editora Global - 2011


                 Maria Marluce Gomes
                 História da Gastronomia do RN    
                 Editora Alternativa - 2004


                Receita do Manguzá Doce
                Neide Garcia de Castro
                Natal -RN


FOTOS
                            Imagens Google
                            Acervo Pessoal
                            Edição de foto: Programa Pic-Nic - Yahoo/BR
               
              
                
            

13 comentários:

  1. Neide uma amiga muito querida, me presenteou outro dia com esse manguzá delicioso. Resolvi postar a receita porque realmente vale a pena.Experimentem fazer e bom apetite!

    ResponderExcluir
  2. Garanto que esse foi o melhor manguzá que você já comeu!Melhor do que aquele que você comeu no Mangai, isso eu tenho certeza.Fiz pra você com o maior carinho.

    ResponderExcluir
  3. Manguzá é bom demais! Vou fazer esse de Neide, provei e achei maravilhoso!

    ResponderExcluir
  4. É bom de todo jeito: doce ou salgado quando o milho fica macio e o caldo grossinho é muito bom!

    ResponderExcluir
  5. Em Bolivia se conhece pelo nome de tujuré en todo Oriente Boliviano, principalmente no Beni, e em Cochabamba,cidade onde nasci o chamam tojori, quando cheguei ao Brasil vivi por cierto tempo en Rondonia e alí conheci com o nome de munguzá, e quando cheguei em Goiás, conheci com o nome de canjica, percebi o que muda é apenas a forma de saboriza-la. o Brasil acrescenta leite de coco e amendoim, nos bolivianos dependendo da região acrescentamos casca de laranja ou de mexerica ou de abacaixi, mel ou azucar, iclusive cascara de banana

    ResponderExcluir
  6. É sempre muito bom saber! O "Tujuré" boliviano temperado com casca de laranja ou abacaxí deve ficar uma delícia!
    Muito obrigada pelo comentário complementar e esclarecedor!

    ResponderExcluir
  7. Interessante!!!
    Mas aqui na Região Sudeste não é chamada de Canjiquinha, mas sim de Canjica Branca ou Canjica Amarela. É feita quase sempre doce.

    Depois entrem no meu blog de culinárias - "Cores & Sabores: Culinária Saudável":
    http://coresesaboresculinaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

  8. Meu caro Leandro
    Obrigada, primeiro pela sua visita ao Vento Nordeste, depois pela informação "correta" quanto ao nome do Munguzá, no Sudeste. Coloquei "canjiquinha" porque moro no Sudeste, mais precisamente em Copacabana/Rio de Janeiro, há 40 anos e as pessoas das minhas relações aqui chamam "canjiquinha". Mas é tudo uma questão de nomenclatura- o importante mesmo é saborear essa delícia de milho. Vou ver seu blog sim. Um grande abraço-espero que vc continue visitando e comentando o Vento Nordeste.

    ResponderExcluir
  9. Sou potiguar. Me deu vontade de fazer um munguzá como era vendido em Natal, quando eu era criança. Procurei em vários sites e o que vi não tinha nada a ver com o que eu conheci. Até que vi a receita do seu blog. Tentarei fazer hoj mesmo. Tomara que de certo. Grata,Neide

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomara que fique do seu gosto. Mec onte depos se deu certo ou não. Lhe agradeço.Um abrsço Arilza Pereira/Vento Nordwste

      Excluir
  10. Eu aqui novamente!!!

    Segundo o Wikipédia (Português), Canjica de Milho identifica dois pratos distintos feitos com grãos de milhos verde (grãos de milhos-brancos verdes ou grãos de milhos-amarelos verdes de qualquer tipo) (regionalismo):
    - É o Creme/Mingau de Milho, que no Nordeste do Brasil é conhecido por Canjica de Milho e no Sudeste conhece-se por Curau de Milho;
    - É o milho branco (milho-branco de qualquer tipo) debulhado e desolhado cozido no leite de coco ou de vaca, que no Nordeste é conhecido por Munguzá/Manguzá e no Sudeste é conhecido por Canjica de Milho.

    É já Canjiquinha também Segundo o Wikipédia (Português) é conhecida como:
    - Quirera de Milho ou Péla Égua de Milho (milhos de qualquer tipo), que é uma iguaria brasileira típica do Estado de Minas Gerais que constitui-se de grãos de milhos triturados grosseiramente até se esfarelar (a ponto de não passarem por uma peneira) sendo ou não cozidos com carne de porco e outros temperos caseiros. Normalmente é servida em prato fundo, podendo ser acompanhada de folhas de couve-manteiga picadas finas e refogadas e/ou com pimentas (pimentas-vermelhas de qualquer tipo) ou molho de pimentas-vermelhas.
    - Grãos de milho verde (milho-branco verde ou milho-amarelo verde de qualquer tipo) debulhados e triturados grosseiramente até se esfarelar.

    ResponderExcluir
  11. Em minha cidade Juazeiro Norte, o Mungunzá salgado é feito com milho feijão linguiça carne de sol dobradinha e mocotó.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo Comentário e por acessar o Vento Nordeste Heliodório. Gostaria muto de ter a receita desse seu munguzá para postar e enriquecer minha postagem. vc tem como conseguir> Vento Nordeste agradece. Eu também!
      Arilza Soares - Email arizas@yahoo,com.br.

      Excluir