sábado, 28 de abril de 2012

A CIDADE E AS CORES DE PEDRO GRILO -ARTISTA PLÁSTICO POTIGUAR



Um blog nostálgico não poderia deixar passar uma ocasião como essa - a  vernissagem do artista plástico e poeta Pedro Grilo, na Pinacoteca do Estado,  merece destaque em Vento Nordeste. Oitenta quadros desse artista maravilhoso, retratando uma Natal que eu pouco conheci era tudo que eu queria ver nesse momento. Como a distância não me permite, vou me contentar em navegar virtualmente diante do colorido vibrante de Pedro Grilo, enquanto faço a minha parte de divulgar seu trabalho.Viaje com Vento Nordeste nessa postagem e se delicie com as cores e as paisagens da cidade vista, vivida e retratada por Pedro Grilo.





Poeta e pintor, Pedro Grilo faz sua primeira exposição individual aos 75 anos. Em "Grilo Borratela" o artista imortaliza imagens da cidade que fizeram parte da sua infância e compartilha essas memórias com o público nessa vernissagem. A exposição retrata detalhes de uma Natal que poucos conheceram ( da Fundação aos anos 50). Suas telas tem um colorido vibrante e misturam realismo com elementos da Arte Naif. Para fazê-las ampliou fotografias antigas e aplicou sobre elas  espessas camadas  de  tintas de cores variadas - "gosto de cores" diz. Os quadros de bom tamanho, estão todos a venda e João Grilo sonha em encontrar uma empresa que compre toda a sua obra e doe para o Instituto Histórico e Geográfico do RN.




Segundo o próprio artista, ele começou a retratar a cidade, quando um colega lhe apresentou umas fotografias do bairro das Rocas, sem  muita definição e pediu que ele as fizessem em telas."Elas estavam muito desbotadas, havia muitos clarões nelas" explica ele. Essas lacunas serviram  de impulso criativo para buscar na imaginação  uma Natal que ele viveu e foi muito feliz.
Pedro Grilo se considera um "borrador de telas" dispensando o título de artista plástico. Afirma que que não segue nenhuma escola: " Não sou copiador de ninguém. Meu trabalho não é pior nem melhor do que os demais. É apenas uma questão de estilo próprio".


                         Pedro Grilo na lente de Carlos Morais dos Santos
                                               


Figura inconfundível na cidade sempre protegido por seu sombreiro e amparado por um cajado, Pedro Grilo ou simplesmente Grilo como é conhecido, nasceu em Natal/RN no dia 30 de setembro de 1936. Passou um período em Goianinha morando com a avó e, aos sete anos retornou à Natal, onde vive até hoje. Morou no Areal e atualmente na Guanabara. Frequentou a escola até o curso primário. Autodidata, começou a escrever aos 15 anos. Para ganhar a vida, foi pintor de parede e de letreiros comerciais. Nas horas vagas dedicava-se à poesia e às trovas. Foi idealizador do jornal alternativo, mensal, O Pitiguari, no qual apresenta suas trovas e as trovas de outros autores potiguares. Lançou em 2000 o livro Mel e Cicuta e é membro efetivo da Academia de Trovas do Rio Grande do Norte, ocupando a cadeira de número 35, cujo patrono é Ponciano Barbosa. Também integra a Sociedade dos Poetas Vivos e Afins do Rio Grande do Norte, a União Brasileira de Trovadores e é membro do Poetas Del Mundo. 


A CIDADE E AS CORES DE PEDRO GRILO







 




A Cidade Provinciana de de Pedro Grilo e Alínio Rosa

                                           
Veja o vídeo abaixo e se encante com a Natal de Pedro Grilo ao som da Natal Provinciana de Alínio Rosa. Em seguida vá correndo para o Palácio Potengi, ou melhor da Cultura, onde está acontecendo a exposição, prestigiar o nosso talentoso artista. A exposição que tem o nome de "Grilo/2012 - Borratela" fica em cartaz até o dia 26 de maio/2012. Não percam!


                          


FONTES:

  • Jornal Tribuna do Norte - Reportagem de Yuno Silva  -Natal/RN
  • Pesquisas Web - Sites:

  1. PoTiGuArte - José Carlos - Natal/RN
  2. Educação e Cultura - Maria Efigênia - Natal/RN
  3. ViviCultura - Natal/RN
  4. Assessoria de Imprensa da Fundação José Augusto - Governo do Estado do RN
FOTOS:
  • Acervo da Tribuna do Norte - Natal/RN
  • Imagens Google
  • Edição de Fotos: Site PicMonkey
VÍDEO:

  • Enviado ao You Tube por  Ariza Soares em 29/04/2012 - Musica "Provinciana" de Alínio Rosa - Imagens : Reprodução das Telas de Pedro Grilo (do Acervo da Tribuna do Norte e outras imagens encontradas no Google ).




5 comentários:

  1. Maria Luiza Nolasco
    Arilza,quando eu for fazer meu tão desejado tour pelo nordeste,Natal estará no meu roteiro.E sabe por causa de quem?Vc!Que nos delicia com relatos,fotos e notícias incríveis dessa terra linda´
    Comentário via Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Maria Luiza! E tomara que eu esteja poe lá para curtir com vc tudo de bom que Natal tem a ofercer Bjos

      Excluir
  2. "GRILO" é um artista plástico exepcional, até demorou muito pra começar a ser reconhecido.
    Lembro dele, eu devia ter 11 pra 12 anos. Na época ele passava todos os dias na frente da minha casa, com uma maleta e baldes de tinta, era pintor de fachadas de lojas. Muito depois eu creio começou a pintar em telas, sempre com roupas brancas e barba comprida... me comprimentava "bom dia menina dos olhos grandes" eu não gostava muito... Ele lembra a minha infância...
    Edi Gemano via Facebook

    ResponderExcluir
  3. Menina, essa foi demais Arilza, como lembro dele, parece que estou vendo só andava de branco um grande talento pra nosso orgulho, só vc prá nos fazer lembrar desses grandes artistas , nossos conterraneos, como Edi , falou acima, ele pintava fachadas de lojas, eu não estava podendo entrar no seu blog , coisas do meu pc rsrsrsrs agora entrei e vi que é realmente o Grilo que conheci desde criança . Maravilha !!!! Parabéns prá vc!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Esse artista é FANTÁSTICO! Não esquecerei do suco que tomei preparado por ele (uma mistura que ele não revelou, sei que era muito gostoso, rsrs) quando estive em sua casa para fazer um trabalho escolar com o filho dele. Ele é simplesmente D +

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...